Projeto Esporte na Cidade lança novo ciclo e abre novas inscrições em Salvador

Ana Cláudia, de 15 anos, realizou o sonho de pisar, pela primeira vez, no gramado do Estádio de Pituaçu. Ela esteve na manhã desta quarta-feira (7), para realizar a inscrição no terceiro ciclo do projeto social Esporte na Cidade, que oferece aulas gratuitas de futebol feminino. Ela, e outras garotas já inscritas, com idade entre 7 e 17 anos, receberam o novo kit (uniforme completo, com meião e chuteira) para aulas gratuitas de futebol dedicado exclusivamente ao público feminino.

“É a primeira vez que vou participar de um projeto esportivo de futebol feminino e a minha expectativa está sendo muito boa e motivadora. Pra mim, está sendo muito legal, porque também é mais uma oportunidade para nós, mulheres, podermos aproveitar o futebol com aulas gratuitas”, disse Ana Cláudia.

A iniciativa está no seu terceiro ano na capital baiana, tendo, inclusive, recebido o Prêmio de Serviço Público das Nações Unidas 2021, na categoria “Promoção de serviços públicos com perspectivas de gênero para alcançar os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS)”. Promovido pela De Peito Aberto, o projeto Esporte na Cidade terá, nessa nova fase, o patrocínio da Tecnobank e da White Martins, por meio da Lei Federal de Incentivo ao Esporte, com apoio da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), autarquia da Secretaria do Trabalho, Emprego e Esporte (Setre). Para participar, as interessadas precisam estar matriculadas e frequentando a rede escolar de ensino.

Para o diretor-geral da Sudesb, Vicente Neto, a renovação de mais um período do projeto Esporte na Cidade só reforça a ideia de que a iniciativa está dando certo. “Um programa de sucesso, premiado pela ONU, que diz respeito à valorização da gestão pública, e que garante inclusão feminina através do futebol. Quero aproveitar para fazer um convite. Ainda há vagas e as interessadas devem comparecer, aqui mesmo em Pituaçu, segundas e quartas, das 14h às 17h, para fazer a inscrição”, completa o gestor.

No ato da entrega do kit, participaram do evento, além da professora de educação física e atleta da seleção brasileira de fut 7, Paloma Nunes, atletas profissionais da Bahia como Taianá Almeida (jogadora do Bahia), Aline Fontes (árbitra), Priscila Santana (coordenadora da FTC), Nadiele Leite (atleta universitária da FTC), Iana Freitas (atleta da seleção brasileira de futebol 7), que deram depoimentos importantes sobre o esporte feminino na sociedade e como elas chegaram no nível profissional, superando muitas dificuldades.

“Eu disse para elas que, na minha época, a gente não tinha essa oportunidade de treinar futebol somente com meninas. De existir um projeto social gratuito para o nosso esporte, com essa estrutura de Pituaçu, onde fui campeã baiana este ano”, disse Tainá, jogadora do Bahia.

As meninas do projeto praticam o futebol feminino duas vezes por semana no Estádio Pituaçu, uma das principais praças esportivas da Bahia. As aulas acontecem sempre no contraturno escolar. O objetivo é que a atividade esportiva não interfira no rendimento escolar da aluna, e assim possa gerar impacto social positivo para todas as beneficiadas.

Documentos necessários:

  • Declaração de escolaridade;
  • Cópia do RG e CPF do aluno e do responsável;
  • Cópia do comprovante de residência.
Compartilhe o Post:

Posts Relacionados